facebook
...

Assassinos de professora são presos em menos de 24 horas

153

Dia 3 de outubro, na pequena cidade de Nazaré Paulista os moradores encontraram um corpo próximo a uma represa. O corpo era de uma professora esposa de um policial militar, desaparecida com seu carro desde segunda-feira.

Após descobrirem que foram realizados saques de sua conta bancária em um posto de gasolina, os policias localizaram o carro no município de Jundiaí, já sem as placas.

Quem conduzia o veículo era um procurado pela justiça por pensão alimentícia com antecedentes criminais por roubo e pensão alimentícia, que assumiu ter comprado o carro por 3.000 contos. O condutor indicou um dos criminosos que estava na favela do Fepasa, em Jundiaí.

De imediato as equipes da Força Tática do 49º Batalhão da PM do Interior partiram para o local e detiveram um dos meliantes, que indicou outros dois que participaram do crime, e que estavam em Itatiba.

O PM’s foram para Itatiba e prenderam os dois menores, um deles era ex-aluno da professora, e ele decidiu assassina-la porque ela o reconheceu.

Os assassinos foram de camburão pro Distrito Policial de Nazaré Paulista.

A PM demonstrou uma eficiência inigualável encontrando os assassinos em menos de 24 horas. Parabéns à PM de coração! E nossos sentimentos à família que sofreu uma terrível perda.

Deixe uma resposta